Início Flamengo joga por Bi Mundial de Basquete, e a coroação máxima de uma geração.

Flamengo joga por Bi Mundial de Basquete, e a coroação máxima de uma geração.

por Leonardo Monteiro
0 comentário
Bi Mundial de Basquete Flamengo

O Clube de Regatas do Flamengo entra neste domingo em quadra para buscar a maior coroação do Mundo FIBA.

O adversário do Mengão será nada mais nada menos que o atual campeão do Intercontinental, o San Pablo Burgos.

Ambas equipes tentam levar para a galeria de troféus a segunda taça da competição, alcançando o topo de interclubes de basquete do mundo FIBA.

O Orgulho Da Nação que já alcançou o topo do mundo em 2014 naquela disputa épica contra o Maccabi Tel Aviv. Agora buscará o bicampeonato mundial contra a equipe espanhola.

Bi Mundial de Basquete. Flamengo e San Pablo Burgos buscam 2° taça.

No dia 28 de setembro de 2014 a história era escrita para o esporte Rubro-Negro. O clube já detinha o titulo do mundial de futebol, se igualava a Real Madrid e Barcelona, além do futebol conquistava a taça no basquete também.

No Brasil, só o Sírio havia conquistado o mundial em 06 de outubro de 1979 contra a equipe da Iugoslávia Bosna Sarajevo.

O San Pablo Burgos é o atual campeão ao vencer a equipe do Quimsa dentro da Argentina.

Além dos campeões Flamengo e Sírio (Bi Mundial de Basquete), quais são os times brasileiros à disputarem final de mundial?

No primeiro Mundial organizado pela FIBA o Corinthians chegou na final, e perdeu o título para o italiano Ignis Verese. Campeonato disputado na Espanha em 1966.

Em 1973 com sede em São Paulo mais uma vez foi o time italiano Ignis Verese carimbou o título, mas desta vez em cima do Sírio.

Já em 1975 desta vez com sede na Itália a equipe da casa Forst Cantù derrotava Franca e conquistava o mundial. Em 1980 mais uma vez o Franca chegava a final, o Mundial foi na Iugoslávia e quem conquistou o caneco foi o Maccabi Tel Aviv.

Em 1981 mais uma vez em São Paulo, o Real Madrid vencia o Sírio e levava a competição, enquanto em 1985 outro time espanhol, desta vez o Barcelona conquistava a taça em cima do Monte Líbano. A sede da competição foi justamente em Barcelona.

O Brasil voltaria para uma final apenas em 2013 na cidade de Barueri quando o Pinheiros foi derrotado pelo Olympiacos da Grécia.

Em 2015 em São Paulo o Real Madrid venceu o Bauru e em 2019 o AEK Atenas da Grécia passou pelo Flamengo no Rio de Janeiro.

Olivinha, único ramanescente de 2014.

A identificação do deus da raça Olivinha, com a torcida Rubro-Negra, não é por acaso.

Rubro-Negro desde sempre, o craque é o maior vencedor do basquete do Flamengo, e um dos maiores atletas que ja vestiram o manto sagrado.

Olivinha estava em 2014 naquele título épico contra o Maccabi, e agora pode conquistar o Bi Mundial, e ser o único atleta do clube, a ter um mundial pelo clube em uma modalidade.

Em entrevista a FlaTV o nosso deus da raça disse se sentir muito animado, expectativa e confiança muito alta, ainda mais depois do grande jogo contra o Lakeland. Motivação lá em cima para buscar o bicampeonato mundial.

Quem também pode conquistar mais um título mundial é o gerente de esportes do Clube Marcelo Vido que esteve como jogador em 1979 defendendo as cores do Sírio, e em 2014 já como dirigente aqui no Mengão.

Brandon Robinson Liberado

O Americano que ficou de fora das semifinais por estar cumprindo quarentena devido ter testado positivo para covid 19, estará de volta nessa grande final.

Agora é torcer para que todos os jogadores estejam aptos para a partida para que possam fazer grande jogo contra a equipe da Espanha.

A grande final começará as 15:00 com transmissão da ESPN e da FlaTV em áudio.

Redação Rubro-Negra, o projeto feito de torcedores, para torcedores.

You may also like

Deixe um Comentário

Site de notícias do Brasil e do Mundo informação.