Início Flamengo perde por 2 a 0 para o Atlético-GO na despedida do Campeonato Brasileiro 2021

Flamengo perde por 2 a 0 para o Atlético-GO na despedida do Campeonato Brasileiro 2021

por Pedro Carlos Ferreira
0 comentário
Flamengo perde por 2 a 0 para o Atlético-GO na despedida do Campeonato Brasileiro 2021
 Flamengo perde por 2 a 0 para o Atlético-GO na despedida do Campeonato Brasileiro 2021
Flamengo perdeu por 2 a 0 para o Atlético-GO

Flamengo foi até Goiânia enfrentar o Dragão com time misto de reservas e garotos da base.

Com o time titular de férias, o Flamengo foi cumprir tabela em Goiânia e perdeu por 2 a 0, gols de Lucão e Toró, as atenções estão voltadas no clube para contratação do novo treinador para 2022.

Estádio Antônio Accioly- Goiânia-GO
Jornalismo Pedro Carlos Ferreira

Flamengo foi cumprir tabela em Goiânia diante do Atlético-GO em clima de férias, o clube inclusive deu férias aos jogadores titulares e foi para campo com a equipe de reservas e garotos da base.

Flamengo pode decidir a Supercopa do Brasil

O regulamento da Confederação Brasileira de Futebol diz que, caso uma equipe conquiste o Campeonato Brasileiro e a Copa do Brasil no mesmo ano, o vice do Campeonato Brasileiro assume a vaga na decisão, o Atlético-MG pode conquistar tal tento.

Os jogos das finais da Copa do Brasil são nos dias 12 e 15 de dezembro, caso o Atlético-MG vença o confronto entre Flamengo x Atlético-MG seria em 2022 com data e local a ser divulgado pela CBF.

Sem perder há 6 jogos, o Atlético Goianiense precisava da vitória para ir à Libertadores em uma combinação de resultados.

 Flamengo perde por 2 a 0 para o Atlético-GO na despedida do Campeonato Brasileiro 2021
Flamengo perde por 2 a 0 para o Atlético-GO na despedida do Campeonato Brasileiro 2021

Primeiro Tempo

O Flamengo começou o primeiro tempo tocando a bola com seus garotos, buscando o gol.

Aos 09 minutos o Atlético-GO chegou no ataque com toques de pé em pé, Baralhas recebeu na entrada da área e finalizou de primeira. o goleiro Hugo Souza mergulhou e fez a defesa.

O Flamengo também foi ao ataque e no lance seguinte André chegou com perigo, tentou driblar o marcador e foi interceptado.

Com 10 minutos a posse de bola do Atlético-GO era maior, 62% para o time da casa.

Só pra não passar batido: o lateral-direito Wesley e o atacante André Luiz são os únicos em campo que estavão estreando nos profissionais do Flamengo.

Aos 21 minutos o Atlético-GO quase marcou o gol, Arnaldo fez grande jogada pela direita e chutou colocado no ângulo, a bola bateu no travessão.
O Atlético-GO começou o jogo bem melhor que os garotos do Flamengo.

Baralhas era o mais perigoso no início do jogo.

O Flamengo deixava o Atlético-GO jogar e tomava pressão da equipe da casa, o goleiro Hugo Souza intervia quando podia.

O lateral Wesley era o melhor jogador em campo do Flamengo.

Baralhas era o jogador mais perigoso do Atlético-GO, em diversas vezes chegou para chutar ao gol de Hugo Souza.

Bruno Viana conseguia ser o pior jogador do Flamengo, inseguro, perdia jogadas e dava passes errados nos pés dos adversários.

O Flamengo não tinha ofensividade e não conseguia sair com a bola da defesa para o ataque, tomou sufoco no primeiro tempo.

O primeiro tempo terminou 0 à 0, o Atlético-GO começou com uma boa intensidade e foi caindo de produção, a equipe dos meninos do Flamengo errava muitos passes e não conseguia criar jogadas ofensivas.

Segundo tempo

O Atlético-GO adiantou a marcação e o Flamengo não conseguia criar no início do segundo tempo.

Totalmente desorganizado, o Flamengo encontrava dificuldades de criar.

Aos 04 minutos o Flamengo conseguiu chegar no gol de Fernando Miguel, RenÊ encontrou Lázaro dentro da área, o jovem dominou e chutou cruzado, Fernando Miguel mergulhou e espalmou para frente, Vitor Gabriel tentou concluir no rebote, mas a zaga conseguiu espantar o perigo.

O Atlético-GO continuava trocar passes e ter a posse de bola, rodando a bola na intermediária do Flamengo.

O Flamengo tinha Renê se destacando no segundo tempo, em linda jogada pela esquerda, o lateral cruzou na primeira trave e Vitor Gabriel finalizou para fora.

O Flamengo deu uma melhorada após os 10 minutos de jogo, João Gomes tomou a responsabilidade para sí em conduzir o time da zaga para o ataque, o apagado Lázaro tinha seus altos e baixos no jogo, enquanto Renê e o jovem Wesley eram os melhores em campo.

Aos 22 minutos Lázaro puxou o contra-ataque para o Flamengo, carregou até a entrada da área e tocou para André Luiz, que dominou e chutou para defesa do goleiro Fernando Miguel.

Pênalti contra o Flamengo!

Aos 23 minutos, cruzamento de Janderson na área do Flamengo, a bola tocou na mão de Gabriel Noga, o árbitro marcou penalidade máxima contra o rubro negro.

O árbitro de vídeo é chamado para rever o lance.

Pênalti anulado!
Após consulta do VAR, o árbitro voltou atrás na marcação, a bola no monitor bateu na coxa de Gabriel Noga.

Gooooll do Atlético-GO!!!!

Lucão!

Cruzamento de Marlon Freitas na direita, Lucão subiu e cabeceou para o fundo do gol do goleiro Hugo Souza.

Atlético-GO 1 x 0 Flamengo.

Maurício Souza promoveu a entrada dos garotos do Ninho Werton, Ryan Luka e Matheus França.

No final saiu mais um gol.

Gooolll do Atlético-GO!!!!

Torá!!!

Cruzamento rasteiro na área do Flamengo de Marlon, a bola encontrou Toró livre na marca do pênalti para empurrar no cantinho do goleiro Hugo Souza.


Próximo jogo do Flamengo

26/01 Flamengo x Portuguesa-RJ em local e horário para ser confirmado
29/01 Flamengo x Volta Redonda em horário e locar ser confirmado

Ficha técnica
Atlético-GO 2 x 0 Flamengo
Estádio Antônio Accioly- Goiânia-GO
Árbitro: Paulo Roberto Alves JR- PR (CBF)
Auxiliar 1: Vitor Hugo Imazu dos Santos-PR
Auxiliar 2:  Márcia Bezerra Lopes Caetano-RO
VAR:  Heber Roberto Lopes-SC

Flamengo: Hugo Souza; Wesley, Noga, Bruno Viana, Léo Pereira e Renê; Piris da Motta, João Gomes e Lázaro;André Luiz e Vitor Gabriel.
Técnico: Maurício Souza

Atlético-GO: Fernando Miguel; Arnaldo, Éder, Oliveira e Arthur Henrique; Willian Maranhão, Marlon Freitas e Rickson; Gabriel Baralhas, Janderson e Montenegro.
Técnico: Marcelo Cabo

Cartões amarelos: Léo Pereira, Piris da Motta (FLA) Willian Maranhão, Oliveira, Marlon Freitas, Rickson (ATL)

Cartões Vermelhos:

Flamengo reelege Rodolfo Landim
Flamengo é na Redação Rubro Negra

Jornalismo Pedro Carlos Ferreira
Arte: Tubal Cain Machado
Equipe de Jornalismo Futebol Profissional
Lucas Silva-Pedro Carlos Ferreira– Leonardo Monteiro
Jornalismo: Pedro Carlos Ferreira
Fotos: Alexandre Vidal/CRF

siga-nos nas redes sociais Facebook: Pedro Carlos Ferreira, Redação Rubro Negra,  Twitter e Instagram siga o Redação Rubro-Negra (@Red_RubroNegra) no Twitter e no Instagram (@redacaorubronegrah).

You may also like

Deixe um Comentário

Site de notícias do Brasil e do Mundo informação.