Início Flamengo vence o Bahia no Maracanã por 3 a 0 no jogo de 100 vezes Gabigol

Flamengo vence o Bahia no Maracanã por 3 a 0 no jogo de 100 vezes Gabigol

por Pedro Carlos Ferreira
0 comentário
Flamengo vence o Bahia no Maracanã por 3 a 0
Flamengo vence o Bahia no Maracanã por 3 a 0
Flamengo vence o Bahia no Maracanã por 3 a 0

Estádio Jornalista Mário Filho- Maracanã- Rio de Janeiro
Jornalismo Pedro Carlos Ferreira

O Flamengo recebeu o Bahia no Maracanã pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro

O Flamengo recebeu o Bahia no Maracanã precisando da vitória, foi pra cima e venceu por 3 a 0 num jogo que Vitinho e Michael foram destaques junto com Rodinei.

Renato montou a equipe cheia de jogadores reservas, mas com uma espinha dorsal montada que foi ampliada após expulsões.

O Flamengo mantém vivas as chances de conquistar o tricampeonato Brasileiro, com a vitória o rubro negro chegou aos 57 pontos, um a menos que o Palmeiras e 11 a menos que o líder Atlético-MG que tem 68 pontos.

Primeiro tempo
O Flamengo iniciou o jogo tomando as ações, trocando pesses e realizando uma pressão na equipe Bahiana.

O Flamengo jogava o primeiro tempo dominando o jogo como de costume e tendo maior posse de bola.

com 20 minutos de jogo o Flamengo tinha 71% de posse de bola e 5 chutes para oo gol.

Aos 26 minutos pênalti para o Flamengo

Thiago Maia lançou Diego na área, O camisa 10 dominou e tentou a bicicleta, mas foi travado.
O árbitro marcou pênalti por toque no braço de Conti

Saiu o gol 100 de Gabigol no Flamengo!!!!!!!

Flamengo vence o Bahia no Maracanã por 3 a 0
Gabigol marcou seu centésimo gol pelo Flamengo

Goooolll do Flamengo!!!!!

Após 5 minutos de revisão do árbitro Vinícius Gonçalves Dias Araújo, o pênalti foi confirmado e aos 31 minutos, Gabigol marcou para o Flamengo.

Gabigol bateu pênalti com perfeição e marcou o 100º gol com a camisa do Flamengo.
Na 25ª cobrança de pênalti no tempo normal, Gabigol converteu o 24º pênalti.

Aos 41 minutos Matheus Bahia tomou o segundo cartão amarelo e foi expulso por fazer falta em Kenedy no meio campo cortando o contra-ataque do Flamengo.
Aos 44 minutos mesmo com um jogador a menos, Nino Paraíba quase empatou para o Bahia, Hugo Souza espalmou para escanteio chute cruzado de Nino.

O Flamengo teve a maior parte da posse de bola durante toda a etapa inicial, mas pouco ameaçou Danilo Fernandes. O gol veio em pênalti de Gabigol, bastante contestado pelo Bahia. Depois disso, o jogo perdeu intensidade, com o time baiano um pouco mais ofensivo, mas também sem capacidade para criar.

Os 100 gols do Gabigol pelo Flamengo:
84 de esquerda
10 de direita
6 de cabeça
80 loiro
16 moreno
4 rosa

A equipe do Bahia ameaçou não voltar para o segundo tempo

Revoltados com a arbitragem na marcação do pênalti a favor do Flamengo, a confusão nos vestiários e no corredor de acesso ao campo, a equipe do Bahia ameaçou não voltar, o delegado da partida foi até o vestiário para conversar com dirigentes e jogadores revoltados voltaram para o campo.

Segundo tempo

Renato voltou com Michael no lugar de Kenedy que sofreu uma pancada no tornozelo.

Aos 2 minutos Rodinei tabelou com Vitinho e cruzou rasteiro, A zaga do Bahia afastou mal, e a bola chegou em Thiago Maia, que chutou forte, Danilo Fernandes espalmou para escanteio.

Aos 10 minutos Vitinho fez linda jogada e levou na linha de fundo, cruzou na área e Gabigol furou encima da linha.

Goooll do Flamengoooo!!!
Michael!!!
Rodinei lançou Vitinho na linha de fundo, limpou a jogada e cruzou para Michael de peito ampliar para o Flamengo aos 11 minutos 2 x 0.

Duas jogadaças de Vitinho e Rodinei pela direita, Botou Gabigol e Michael na cara do gol, sem goleiro, na pequena área.

Michael marcou o 4º gol em 3 jogos e chegou a 16 na temporada, são 20 com a camisa do Flamengo, Vitinho deu sua 28ª assistência, a 14ª na temporada.
Michael chegou aos 20 gols em 99 jogos com a camisa do Flamengo.

Aos 17 minutos Diego Ribas e Rossi trocaram cotoveladas e foram expulsos, o Flamengo passou jogar com 10 jogadores e o Bahia com 9.

Diego é expulso pela 2ª vez com a camisa do Flamengo.

David Luiz substituído, enquanto esteve em campo, pareceu um adulto jogando com crianças.

Renato promoveu substituições visando poupar jogadores e dar rodagem para outros, David Luíz e Ramon saíram e deram ligar para Bruno Henrique e Bruno Viana.

Aos 31 minutos Renato colocou Pires da Mota que não jogava tempos no lugar de Thiago Maia.

Goooll do Flamengooo!
Andreas Pereira!

Aos 43 minutos do segundo tempo Andreas Pereira dominou a bola na entrada da área, percebeu que ninguém fez a marcação, conduziu a bola para dentro na direção da meia lua e chutou de perna esquerda no canto do goleiro Danilo Fernandez, um golaço!

É o 4º gol de Andreas em 19 jogos pelo Flamengo

Desde o início, o Flamengo se estabeleceu no campo de ataque, atingindo cerca de 70% de posse de bola, mas sem conseguir superar a marcação do Bahia e exagerando nos cruzamentos. O gol de pênalti de Gabigol abriu o caminho para o triunfo, que só se tornou mais tranquilo após a expulsão de Matheus Bahia no fim do primeiro tempo. Na etapa final, especialmente após as expulsões de Rossi e Diego, o Flamengo controlou mais o jogo e conseguiu construir naturalmente a vantagem no placar.

Próximos jogos do Flamengo
Domingo 14/11 às 16 horas contra o São Paulo no Morumbi pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro.
Quarta-feira 17/11 21:30 horas contra o Corinthians no Maracanã pela 33ª rodada do campeonato Brasileiro.

Coluna Urubu Fla Mirim

Coluna Urubu Fla Mirim com Miguelzinho

Ficha técnica
Árbitro: Vinícius Gonçalves Dias Araújo (SP)
Auxiliar 1: Cristhian Passos (GO)
Auxiliar 2: Sorence e Hugo Sávio Xavier Correa (GO)
VAR: Elmo Alves Resende Cunha (GO)

Flamengo: HUgo Souza, Rodinei, David Luíz, Gustavo Henrique e Ramon; Thiago Maia, Diego Ribas, Andreas Pereira e Vitinho; Kenedy e Gabigol.
Técnico: Renato Portalupi

Bahia: Danilo Fernandez, Nino Paraíba, Conti, Luíz Otávio e Matheus Bahia; Edson e Daniel; Lucas Mugni, Raí Nascimento e Gilberto.
Técnico: Guto Ferreira

Cartões amarelos: Matheus Bahia, Conti (BAH) Diego Ribas (FLA)
Cartões vermelhos: Matheus Bahia, Rossi (BAH) Diego Ribas

Sob pressão Renato e diretoria vivem pior fase, Pedro faz Cirurgia no menisco, a bruxa está solta no Mengão!

Jornalismo Pedro Carlos Ferreira
Arte: Tubal Cain Machado
Equipe de Jornalismo Futebol Profissional
Lucas Silva-Pedro Carlos Ferreira– Leonardo Monteiro
Conteúdo Adicional: Mércio
Jornalismo: Pedro Carlos Ferreira
Fotos: Alexandre Vidal/CRF

siga-nos nas redes sociais Facebook: Pedro Carlos Ferreira, Redação Rubro Negra,  Twitter e Instagram siga o Redação Rubro-Negra (@Red_RubroNegra) no Twitter e no Instagram (@redacaorubronegrah).

You may also like

Deixe um Comentário

Site de notícias do Brasil e do Mundo informação.