Mengão malvadão mete 4 no Santos em mais uma goleada

Mengão malvadão mete 4 no Santos em mais uma goleada

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Mengão malvadão mete 4 no Santos em mais uma goleada

Estádio Urbano Caldeira- Santos-SP
Jornalismo: Pedro Carlos Ferreira

Embalado após vitória contra o Grêmio em Porto Alegre, o Mengão foi até a Vila Belmiro enfrentar o Santos pela décima oitava rodada do Brasileirão 2021

Mengão malvadão mete 4 no Santos em mais uma goleada

Penúltima rodada do primeiro turno, o Flamengo sem Bruno Henrique, o Flamengo foi a Santos e goleou por 4 a 0, Gabigol marcou 3 gols e Andreas Pereira estreou marcando gol.

Primeiro tempo

O jogo começou bastante disputado, o Santos atacando o Flamengo e algumas faltas que o árbitro Bráulio da Silva Machado coibiu com dois cartões amarelos, um para cada lado, Carlos Sanches para o Santos e Isla para o Flamengo.

Isla levou seu 10º amarelo com a camisa do Flamengo.

O Flamengo arriscava no ataque enquanto o Santos tentava encaixar um ataque.

Visitante indigesto!

Jogando fora de casa, o Flamengo não perde há 7 jogos, com 6 vitórias e 1 empate.

Como mandante no Brasileirão, o Santos não vence há 3 jogos, com 1 derrota e 2 empates seguidos

Aos 17 minutos o Flamengo quase marcou!


Excelente cruzamento de Diego na segunda trave, Gabigol chegou finalizando de primeira para a grande defesa de João Paulo à queima-roupa. No rebote, meio no susto, Gustavo Henrique desviou, e o goleiro santista defendeu novamente.

O Flamengo passou pressionar o Santos em seu campo, tendo oportunidadesde gol.

Flamengo teve as duas melhores chances aquele momento, com Everton e Gabigol. Tentando pressionar a saída de bola do Santos, que atacava bastante mas também deixava espaços para os contra-ataques.

Aos 35 minutos Diego Ribas cobrou falta no canto direito, mas o goleiro João Paulo salvou com uma defesa espetacular!

Primeiro tempo com 5 cartões amarelos, 3 para o Flamengo; Isla, Diego Ribas e Bruno Viana, enquanto 2 cartões para a equipe do santos Sanches e Robson.

O primeiro tempo foi bastante disputado, o Santo tentava se lançar ao ataque, enquanto o Flamengo explorava os contra-ataques, o Flamengo saiu melhor em campo, com mais chances de gol.

Faltou ao Flamengo no primeiro tempo o ajuste no último passe e mais presença na área (Bruno Henrique faz muita falta nas bolas aéreas). A marcação no meio de campo também estava frouxa.

O mapa de passes do Flamengo contra o Santos no 1ºTempo: Filipe Luís é o jogador mais participativo na construção das jogadas da equipe visitante. Arrascaeta também é destaque e Everton Ribeiro, em média, mais centralizado (diferente dos últimos jogos, mais à direita

Imagem

Santos tem média de 8,0 finalizações no primeiro tempo em casa, com 2,4 certas. Hoje só fez quatro, todas erradas. O Flamengo tem média fora de casa de 8,2 no primeiro tempo, com 2,7 certas e um gol. Hoje fez dez com cinco certas, mas a bola não entrou.

Destaques: Filipe Luís, Arrascaeta e Gabigol.

Filipe Luís bem no apoio e na marcação, salvou algumas bola que eram passes perigosos, posivélmente criariam situações de gol da equipe adversária.

Arrascaeta desta vez mais participativo com bons passes e ajudando na marcação.

Gabigol só não marcou porque foi parado com faltas dos defensores, muita luta e movimentação no ataque.

Segundo tempo

O segundo tempo mal começou e o Flamengo trocava passes, lançamento de Gabigol para Michael que é derrubado dentro da área por Wagner Leonardo e o árbitro Bráulio da Silva Machado marcou pênalti aos 3 minutos do segundo tempo.

O VAR chamou o árbitro que foi assistir as imagens do pênalti e confirmou a penalidade.

Gooolll do Flamengo!!!!

Gabigol cobrou penalidade e converteu aos 6 minutos do segundo tempo, Flamengo 1 x Santos.

João Paulo acertou o canto, mas Gabigol bateu com perfeição o pênalti e abriu o placar! É o 95º gol de Gabigol pelo Flamengo, o 23º de pênalti.

O Santos voltou um pouco melhor no segundo tempo, enquanto o Flamengo trocava passes.

O Santos tentava atacar, mas não tinha jogadores de meio com capacidade de criação, o que facilitava a defesa rubro negra.

Lei do ex ativada!

Gabigol é quem mais fez gols de pênalti na elite do futebol brasileiro desde 2019: 26 cobranças (24 no tempo normal e 2 em disputas) 25 gols 1 no travessão 96,1% de aproveitamento Gabi deslocou o goleiro em 22 cobranças.

Aos 17 minutos do segundo tempo o técnico Renato Gaúcho fez duas substituições, sacou os amarelados Isla e Diego Ribas e promoveu as entradas de Matheuzinho e Thiago Maia.

Destaque do momento: Gustavo Henrique jogando perfeito, tanto nas bolas aéreas, como nas antecipações, jogando com muita segurança no setor defensivo. Uma ótima recuperação do futebol ao qual fez o Flamengo o contratar.

Aos 23 minutos, em um dos seus primeiros lances no jogo, Matheuzinho avançou pela direita, invadiu a área e meio que finalizou cruzado para o meio da confusão. João Paulo espalmaou.

Gooolll do Flamengo!!!

Thiago Maia lançou Michael pela esquerda que cruzou deixando Gabigol de cara com o goleiro João Paulo e finalizar para o fundo do gol marcando Flamengo 2 x 0 Santos.

Mais um dele!

Michael deu passe na medida para Gabigol marcar o 2º dele na partida. O atacante marcou seu 96º gol pelo Flamengo. Cada vez mais perto do gol 100.

Boa participação do Thiago Maia no lance do segundo gol de Gabigol. E Michael, mesmo que erre muitas jogadas, mais uma vez é produtivo: sofreu o pênalti no primeiro gol e deu assistência no segundo.

Destaque: Michael vem crescendo a cada jogo, quarta-feira contra o Grêmio fez uma bela partida, hoje contra o Santos mais uma vez jogou muito bem.

Aos 32 minutos o goleiro João Paulo salvou no terceiro gol de Gabigol na partida!
Matheuzinho é lançado na direita e cruza rasteiro para deixar Gabigol NA CARA do gol. O atacante finalizou de primeira, e o goleiro santista defendeu com a perna. Que defesa!

Gabigol 3 vezes!
Gooolll do Flamengo!!!
Arrascaeta recebeu na direita, puxou para o meio e rolou na entrada da área para Matheuzinho, que bateu de primeira. João Paulo deu rebote para o lado, justamente onde estava Gabigol. Ele só teve o trabalho de empurrar para o gol e fazer o seu terceiro na partida.

E Matheuzinho novamente mais produtivo do que Isla!

Aos 37 minutos Andreas Pereira foi acionado!

Renato Gaúcho promoveu a entrada de 3 jogadores dando fôlego para equipe, e logo em seu primeiro lance com a camisa rubro negra Andreas Pereira marcou o quarto gol do Flamengo e o primeiro do estreante da noite.

Depois do cruzamento de letra, Andreas já faz seu primeiro gol pelo Flamengo. Defesa do Santos dá bobeira, o camisa 18 sai na frente de João Paulo e dá no meio das pernas do goleiro santista para ampliar o placar para o Flamengo.

Pedro entrou no lugar de Gabigol, Andreas Pereira no lugar de Everton Ribeiro e Vitinho no lugar de Arrascaeta.

O Flamengo seguia trocando passes e administrando o jogo, o time de Renato Gaúcho joga esperando erros do adversário e sabendo o momento certo de atacar.

O Santos vira a 3ª maior vítima de Gabigol. Maiores vítimas do Gabigol na carreira:

1) Palmeiras – 11 gols

2) Fluminense – 10

3) Internacional e Santos – 7

4) Athletico-PR, Corinthians, Grêmio e Vasco – 6

8) Atlético-MG, Bahia e Madureira – 5

Mais uma goleada de Renato pelo Flamengo!

Os números do treinador segue impressionando: 14 jogos 12v 1e 1d 88% de aproveitamento 45 gols marcados – média de 3,2 10 gols sofridos – média de 0,7 6 jogos sem sofrer gols (43% das partidas)

As Bases salariais já foram oferecidas, o Staff do jogador levou o contrato para o jogador avaliar e Flamengo está bem perto de anunciar o zagueiro Davis Luiz que tem passagens pela seleção Brasileira e grandes clubes Europeus com diversos títulos no currículo.

O Flamengo está cada vez mais próximo de anunciar a contratação do zagueiro David Luiz, clube já definiu tempo de contrato, valor do salário e luvas para fechar com o jogador.

Ficha técnica
Árbitro: Bráulio da Silva Machado
Auxiliares: Bruno Boschilia e Nailton Junior de Sousa Oliveira

Flamengo: Diego Alves, Maurício Isla, Gustavo Henrique, Bruno Viana e Filipe Luís; Willian Arão, Diego Ribas, Arrascaeta e Everton Ribeiro; Michael e Gabigol.
Técnico: Renato Portalupi

Santos: João Paulo, Madson, Robson, Wagner Leonardo e Felipe Jomatan; Camacho, Jean Mota, Carlos Sanches; Gabriel Pirani, Marcos Leonardo e Lucas Braga.
Técnico: Fernando Diniz

Cartões amarelos: Carlos Sanches, Robson, Fernando Diniz (SAN) Isla, Diego Ribas, Bruno Viana, Gustavo Henrique (FLA)
Cartões vermelhos:


Um forte abraço para nossos leitores de todo Brasil e em especial para:

Arnô e Marcinha de Queimados-RJ
Marcinho e Claudia de Queimados
Junior Garimpeiro do Pará
Robinho, Zezão, Bisteca e Carioquinha que estão em Curitiba ligadinhos na Redação Rubro Negra

Equipe de Jornalismo Futebol Profissional
Arte: Leandro Viegas
Pré jogo: Lucas Silva-Pedro Carlos
Pós jogo: Pedro Carlos Ferreira-Lucas Silva
Conteúdo Adicional: Leonardo Monteiro
Jornalismo: Pedro Carlos Ferreira

Você quer mandar seu alô na Redação Rubro Negra?
Mande mensagem para Pedro Carlos Ferreira nas redes sociais até 1 hora antes das partidas.

Obrigado você leitor por acompanhar nosso trabalho, siga-nos nas redes sociais Facebook: Pedro Carlos Ferreira, Redação Rubro Negra,  Twitter e siga o Redação Rubro-Negra (@Red_RubroNegra) no Twitter e no Instagram (@redacaorubronegrah).

Bem Vindo ao Redação Rubro Negra