Quarta, 06 de Dezembro de 2023
26°

Parcialmente nublado

Nova Iguaçu, RJ

Geral São Paulo

Banco Mundial ouve agentes públicos do Estado de SP em pesquisa de integridade

Pesquisa tem como objetivo ouvir como os servidores públicos percebem e enfrentam questões de integridade e corrupção no dia a dia O post Banco Mun...

19/11/2023 às 11h47
Por: Leonardo Monteiro Fonte: Secom SP
Compartilhe:
Os resultados desta pesquisa irão auxiliar no aprimoramento das políticas de prevenção e combate à corrupção no Estado
Os resultados desta pesquisa irão auxiliar no aprimoramento das políticas de prevenção e combate à corrupção no Estado

Entre os dias 23 de novembro e 23 de dezembro, o Banco Mundial, em parceria com a Controladoria Geral do Estado ( CGE ), realiza em São Paulo pesquisa com servidores públicos estaduais, como parte de uma iniciativa global para entender e dimensionar os riscos, as causas e os efeitos da corrupção no dia a dia dos agentes públicos e quais as suas percepções em questões de integridade no âmbito da administração pública estadual.

Continua após a publicidade

A iniciativa já foi realizada no âmbito do Governo Federal em 2021 em parceria entre o Banco Mundial e a Controladoria Geral da União, com o objetivo de geração de dados atuais sobre o fenômeno da corrupção, dando devida voz aos servidores públicos participantes, com a proteção da confidencialidade de suas respostas garantida pelo Banco Mundial.

Continua após a publicidade

Os resultados desta pesquisa irão fornecer subsídios para auxiliar o aprimoramento das políticas públicas de prevenção e combate à corrupção no Estado. Todos os agentes públicos estaduais, tanto da administração direta quanto da indireta, podem e devem participar. A participação é voluntária, anônima, confidencial e muito importante para a construção de um governo mais íntegro e comprometido em melhor servir o cidadão.

O participante precisará de apenas 15 a 20 minutos para responder ao questionário e terá a opção de não responder perguntas com as quais não esteja confortável. Caso tenha interrupções, o participante poderá retomar a pesquisa no mesmo dispositivo, bem como desistir a qualquer momento.

O Banco Mundial

O Grupo Banco Mundial é uma das maiores fontes mundiais de financiamento e conhecimento para os países em desenvolvimento. As suas cinco instituições partilham o compromisso de reduzir a pobreza, aumentar a prosperidade partilhada e promover o desenvolvimento sustentável.

O BIRD e a AID, instituições do Grupo, formam o Banco Mundial e fornecem financiamentos, aconselhamentos político e assistência técnica aos governos dos países em desenvolvimento. A AID centra-se nos países mais pobres do mundo, enquanto o BIRD apoia os países de rendimento médio e os países mais pobres com capacidade de crédito.

O Banco Mundial é parceiro do Brasil há mais de 60 anos, e já apoiou o Governo brasileiro, estados e municípios em mais de 430 financiamentos.

Segurança de dados

As perguntas da pesquisa são estritamente científicas, e a iniciativa segue protocolos éticos, de confidencialidade e segurança exigidos pela Política de Privacidade de Dados do Banco Mundial, de acordo com as melhores práticas internacionais.

Todos os dados serão coletados, tratados e analisados pela equipe de pesquisa do Banco Mundial. As respostas serão totalmente anônimas e confidenciais, e os resultados serão publicados posteriormente de maneira agregada a outros estudos técnicos em andamento.

Para tirar dúvidas, basta enviar e-mail para: [email protected]

Contexto

A pesquisa faz parte de um programa analítico mais amplo para compreender e avaliar abordagem anticorrupção. Ela se baseia no trabalho do Laboratório de Burocracia do Banco Mundial, especializado em estudos empíricos de administração pública por meio de pesquisas, e que já entrevistou mais de 250 mil funcionários públicos em mais de 35 países. Pesquisas semelhantes estão sendo implementadas atualmente em Madagascar, Bangladesh e Paquistão, e espera-se que vários outros países sejam pesquisados no futuro.

Siga o canal “Governo de São Paulo” no WhatsApp:
https://bit.ly/govspnozap

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.