Início Flamengo-RJ 3 x 1 Americano-ARG

Flamengo-RJ 3 x 1 Americano-ARG

por Leonardo Monteiro
0 comentário

Flamengo joga com mais cara de Flamengo e vence sem sustos no Maracanã

No Poszão da nossa estreia na Libertadores eu pontuei que o jogo foi contra o Macaé do Peru e a vitória veio, porém chegou com um futebol que lembrava mais o Flamengo do Piauí. No Prezão do jogo da noite dessa terça, dadas as sabidas fragilidades do adversário hermano, tasquei até uma bandeira do Rio de Janeiro, reforçando a ideia de que a sensação era a de que estávamos em uma extensão do Carioqueta. Mas nesse Poszão aqui existem duas letras fundamentais lá no título: RJ

Pouco importa a fragilidade do adversário. O Sporting Cristal, lanterna desse grupo H, também não é lá grande coisa. Mas dessa vez os três pontos vieram mais com uma cara de Flamengo-RJ. Adversário fraco, fomos lá e fizemos o que tinha que ser feito: ganhar com relativa facilidade em jogo que caberia até um placar mais elástico.

Apresentação dos sonhos? Fodarástica? Não. Inclusive essa expectativa de parte da torcida, no nível em que parecem ansiar essa fodarasticidade, é algo que não tem muita cara de que vai se tornar realidade. Mas o Flamengo jogou bola.

Adversário fraco ou não, o Flamengo poderia ter jogado mal. Pior ainda, dados os debates acontecidos nas últimas semanas, poderia ter jogado de sacanagem. Mas não o fez.

Do apito inicial até a vantagem de dois gols foi um pulo. E principalmente foi uma vantagem construída com boa apresentação. Daí depois rolou aquele gol dos caras lá que teve certamente função didática. Só pro povo ficar ligado e dar margem pro Paulo Sousa aplicar aquele puxão de orelha no vestiário.

Mesmo com o Talleres volta e meia esboçando a busca de uma improvável reação, durante toda a partida, antes mesmo de sair o terceiro, a noite deixava claro que só havia a possibilidade de um único resultado ao final dos 90 minutos.

Líder isolado do grupo e com nossa protocolar participação na fase de grupos com um encaminhamento bem direcionado para a vaga nas oitavas. Tá ótimo.

Como dito no Prezão, essa é mais uma Semana Cheia, com a peculiaridade de ter rolado um jogo-treino de luxo no decorrer dela. Mais pela pompa da competição que pela dificuldade do adversário.

Como nem tudo é fácil como a Libertadores 🤣🤣🤣🤣, e esse foi um momento de mais pura Ostentação, vem aí uma bela de uma sequência-teste no Brasileirão.

São Paulo e Palmeiras no Maracanã, e depois Athletico lá na Arena da Baixada. Daí é Semana Cheia de Desafios. Excelente pra testar as evoluções/variações do Paulo Sousa, ótimo também pra testar a disposição dos jogadores e verificar o suposto coeficiente de panelice e fritura do gajo.

Ah… Hora de testar também a maturidade da torcida, que disso eu já desisti faz tempo. Repetindo: São Paulo, Palmeiras e Athletico. A gente não vai ser Campeão do Mundo com esses potenciais 9 pontos… Mas também não vai ser rebaixado se não conseguirmos todos eles. Sem histeria… Sem choradeira.

Falando em Athletico, até que o Santos foi bem na estreia, ainda que não tenha sido um jogo de grandes desafios. Bem na saída de bola, seguro embaixo das traves… E ainda contou com uma pitada de sorte, o que é de fundamental importância.

Bora treinar para essa sequência que promete ser um tanto quanto esclarecedora. Em muitos e muitos quesitos.

Vencer, Vencer, Vencer.

ISSO AQUI É FLAMENGO*!!!

*RJ, é bom lembrar.

Meu Twitter. Cola lá.

You may also like

Deixe um Comentário

Site de notícias do Brasil e do Mundo informação.